Você está aqui: Página Inicial > Contents > Destaques > I Seminário da América Latina do Grupo de Pesquisa da Linguística, Filosofia e Literatura da Escola ABBA
conteúdo

Notícias

I Seminário da América Latina do Grupo de Pesquisa da Linguística, Filosofia e Literatura da Escola ABBA

publicado: 12/06/2019 12h40, última modificação: 12/06/2019 13h42

O Evento

O objetivo desse encontro é fomentar e aprofundar a discussão em torno das publicações de Chiara Lubich em acadêmicos, pesquisadores, estudantes de pós-graduação e de graduação no âmbito da Linguística, Filologia e Literatura.

Escola Abba

A Escola Abba, com sede na Itália, Roma, foi criada em 1991, com o objetivo de aprofundar o olhar sobre o alcance dos escritos de Chiara Lubich em diversas áreas do conhecimento. Escola ABBA é resultado de um Centro de Estudos Interdisciplinares do Movimento dos Focolare, chamado Centro Chiara Lubich. Hoje já integram o grupo da Escola ABBA pesquisadores de diversos países de diferentes áreas: Economia, Psicologia, Direito, Sociologia, Educação, Linguística, Ecologia, Teologia, Arte, Filosofia, Pedagogia, Comunicação Social.

Chiara Lubich (1920-2008) é uma das figuras mais representativas do diálogo intercultural e interreligioso do século XX. Fundadora do Movimento dos Focolares, utilizou múltiplos meios de comunicação para difundir seus pensamentos, deixando um grande arquivo de publicações, gravações em áudio e vídeo e um vasto material documental, ainda parcialmente inédito, sobre o qual a Escola Abba se propõe a estudar. Chiara Lubich, por seu envolvimento incessante no diálogo entre os povos, culturas e religiões, foi homenageada com vários prêmios, desde o Prêmio Templeton pelo Progresso da Religião (Londres, 1977) até o Prêmio da UNESCO pela Educação para a paz (Paris, 1996). Além disso, dezasseis doutorados honorários foram conferidos em diferentes disciplinas: Ciências Sociais, Teologia, Filosofia, Economia, Arte, Psicologia, Pedagogia, Comunicação Social. No Brasil, em 1998, recebeu da Universidade de São Paulo (USP) a Medalha ao Mérito e da Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP), o doutorado honoris causa em Economia.

De 1997 a 1998,  Chiara Lubich dedicou-se a abrir novas perspectivas de diálogo inter-religioso: foi convidada a falar de sua experiência na Tailândia a 800 monges budistas; em Nova York a 3000 muçulmanos negros na mesquita de Harlem e, na Argentina, à comunidade Hebraica de Buenos Aires.


Após vários encontros realizados em Roma, em 2019, haverá no Brasil, na Universidade Federal da Paraíba, em João Pessoa, o I Encontro da América Latina do Grupo de Pesquisa da Linguística, Filologia e Literatura da Escola ABBA.

 

Maiores Informações: www.cchla.ufpb.br/salabba